terça-feira, 17 de abril de 2012

Carta Informativa - Abril de 2012

Cascais - Portugal, 17 de abril de 2012.

"O amor é a raiz de missões; sacrifício é o fruto de missões" (Roderick Davis)

Amados irmãos e companheiros na obra missionária,

     Graça e paz vos sejam multiplicadas.
   
    “Dou graças ao meu Deus todas as vezes que me lembro de vós, fazendo, sempre com alegria, oração por vós em todas as minhas súplicas, pela vossa cooperação no evangelho desde o primeiro dia até agora” (Fp 1.3-5). Estas palavras do apóstolo Paulo expressam com clareza o sentimento dos nossos corações com respeito a todos aqueles que têm estado conosco na obra missionária.
     Quero agradecer a todos amados irmãos que estiveram orando pela minha viagem a Itália. Apesar da despesa alta que tive com as passagens e despesas de viagem, foi um tempo muito proveitoso. Deus cuidou de maneira especial de todos os detalhes de minha viagem à Itália, bem como da minha família que ficou em Portugal. Fui muito bem recebido pelo Pr. Celso e família, em Verona, onde tivemos um tempo muito bom de convívio e pudemos conversar sobre a nossa ida para a Itália. A princípio, ficou acertado que estaremos indo para a Itália no final de Junho deste ano. A igreja na Itália já está providenciando a documentação para que possamos estar indo para aquele país dentro do prazo estabelecido. Por favor, continuem orando por todos os detalhes.
     Nas nossas próximas cartas estaremos trazendo mais detalhes sobre a nossa mudança para a Itália. Precisamos muito das orações, pois temos alguns desafios, principalmente financeiros, dentre os quais: novos mantenedores para completar nosso sustento, despesas com passagens e mudança para a Itália, aluguel de apartamento (depósito e um mês de aluguel adiantado) e outros. Cremos que, uma vez mais, Deus estará cuidando de tudo e estaremos vencendo mais estes desafios.
     Estamos vivendo uma mistura de sentimentos. Ao mesmo tempo em que ficamos alegres por ver as portas se abrindo para estarmos indo para a Itália (que é o nosso alvo), o nosso coração fica apertado ao deixar os nossos amados irmãos aqui em Portugal. Apesar de estarmos tão pouco tempo em Portugal (menos de um ano), fomos tão bem recebidos pelo Pr. Alex Branco e por toda igreja, de tal forma que estarão para sempre em nossas memórias, corações e orações. É muito bom experimentar o carinho de tantos amados irmãos aqui em Portugal, de tantas igrejas e amigos no Brasil, como também na Itália.
    Podemos dizer com muita propriedade e experiência que missões é uma obra de sacríficos, mas que vale a pena! Costumo sempre dizer que missões é o mais ousado projeto de vida, mas também o mais recompensador. Somente quem acompanhou nossas vidas, mesmo que seja através das nossas cartas, sabe os grandes sacrifícios que temos feito na obra missionária. Mas, sempre digo que vale a pena e faria tudo novamente, com a mesma alegria e dedicação. A recompensa do missionário não é dinheiro, pois ele não recebe salário, mas sim sustento, ou seja, o necessário para sua manutenção e de sua família. A recompensa não é fama, pois os poucos missionários verdadeiros que ficaram famosos foi através de grande sacrifício pessoal, na maioria das vezes sofrendo o martírio no campo missionário. A verdadeira recompensa do missionário é fazer a vontade de Deus e ver almas perdidas vindo para Cristo. Dinheiro, casas, carros, posição, títulos – não levaremos nada disso para a eternidade. Porém, as almas que alcançarmos para Cristo, estas estarão conosco nos céus, naquela grande multidão de pessoas de todos os povos, tribos, línguas, nações (e de diferentes igrejas e denominações evangélicas) adorando o Senhor por toda a eternidade.
    Lamento que existam muitas igrejas com uma visão tão pequena a respeito de missões, que não conseguem enxergar além do seu próprio umbigo. Para fazermos a diferença em missões precisamos deixar de olhar para o nosso umbigo e levantarmos os nossos olhos para os campos que estão brancos para a ceifa. Há um mundo que clama desesperadamente por Deus, como bem expressou Charles Inwood: "O soluço de um bilhão de almas na terra me soa aos ouvidos e comove o coração; esforço-me, pelo auxílio de Deus, para avaliar, ao menos em parte, as densas trevas, e extrema miséria e o indescritível desespero desses milhões de almas sem Cristo. Medita, irmão, sobre o amor do Mestre, amor profundo como o mar; contempla o horripilante espetáculo do desespero dos povos perdidos, até não poderes censurar, até não poderes descansar, até não poderes dormir." Oh, como eu anseio que Deus me dê mais paixão pelas almas para me gastar mais na Sua obra!
    Somos imensamente gratos a todos amados irmãos e igrejas que tem estado conosco na obra missionária. As palavras são incapazes de expressar toda nossa gratidão por tudo que têm feito por nós. Muito obrigado a todos por segurarem as cordas da oração e contribuição.

     Com gratidão,

Pr. Paulo Henrique, Alessandra, Matheus e Lucas
========================================
Banco do Brasil Ag 3159-3 C/C 6573-0
Banco Itaú Ag 6116 C/C 00485-1
========================================

Nenhum comentário:

Postar um comentário